ENCONTRO COM O GRUPO GALPÃO

Local: Centro de Artes e Convenções da UFOP, Salão Tiradentes – Sala A - Rua Diogo de Vasconcelos 328 – Ouro Preto.

Carga horária: 2h

Público-alvo: participantes e ouvintes sem restrição

Vagas: 20

Inscrições no local da oficina, antes do seu início, por ordem de chegada

Nas línguas dos grandes dramaturgos Shakespeare e Molière, a palavra utilizada para atuar é a mesma utilizada para brincar e jogar: ‘to play’ e ‘joyer‘. Partindo do princípio que teatro é jogo, e todo jogo tem regras, então podemos pensar que os exercícios teatrais também devem ter suas regras. Porém, o jogo do teatro pode ser o ‘truco’, onde a principal regra é o blefe, é burlar as próprias regras. Para subverter as regras é preciso dominá-las. Então, esta proposta de oficina se baseia, num primeiro momento, na exposição e no conhecimento das regras de cada jogo, para que depois cada jogador possa se libertar delas ou utilizá-las em benefício próprio, podendo lançar mão de diferentes ferramentas para a criação. Brincar com os princípios que norteiam o trabalho do Grupo Galpão, ou seja, a vivência em grupo, a experimentação, o jogo, o estímulo ao ator como criador, a construção do teatro como coletivo, de maneira que o participante possa desenvolver sua atenção, escuta, disponibilidade e concentração, elementos imprescindíveis para a prática teatral. O aluno será estimulado a reconhecer em si possibilidades de trabalhar como um indivíduo que propõe, questiona, atua e não simplesmente observa ou recebe informações. Despertar potencialidades corporais, vocais e criativas, possibilitando ao participante a tomada de consciência em relação ao espaço que ocupa dentro de seu próprio corpo, dentro da sala de aula e da cena. A proposta das atividades é instrumentalizar o ator, investigar as diversas formas de abordagem da cena, pesquisar diferentes linguagens, com a finalidade de orientar o indivíduo criador para o trabalho coletivo, em grupo.